2.8.11

114: Mensagens de Abraham Hicks



"O que conduz o mundo é o espírito e não a inteligência." 
(Antoine de Saint-Exupéry)



Olá!
Está bem tarde e só queria dizer que tive um dos melhores dias da minha vida. Mas guardarei os detalhes se você não se importar, outro dia quem sabe eu comente mais sobre isso. E agora, conforme prometi ontem, seguem alguns textos do casal "Abraham Hicks". A Esther Hicks, esposa de Jerry Hicks canaliza estas mensagens desde 1986. Segundo ela, as palavras não são suas, são de uma Fonte de Sabedoria Universal que a usa como instrumento para divulgar estas ideias. Vale a pena!


Esther & Jerry Hicks




Breve Resumo dos Ensinamentos dos Abraham
Aqui, a essência da mensagem do grupo Abraham-Hicks, obtida dos workshops com os Abraham.

Você é uma extensão física de seu eu não físico!
Tudo o que é, ou Deus, não está terminado e está esperando que você O acesse. Você é o fio condutor de pensamento, que está aqui à procura de mais: mais para expandir-se, mais daquilo que faz você se sentir novo, e glorioso, e capaz. Você está, em essência, trazendo o céu para a terra.

Você está nesse corpo porque você o escolheu!
Você quis a oportunidade de experienciar esse delicioso contraste (desafios) no tempo e no espaço, e antecipadamente, você escolheu ser um co-criador com outros seres que estão em busca de diversão para afinar o processo do pensamento deliberado. (O que, onde, quando e com quem, também são suas escolhas.)

Sua base de vida é a Liberdade, o propósito de sua vida é o prazer!
Você é livre para escolher descobrir suas novas rotas para seu próprio prazer. Através do que lhe dá prazer, você irá evoluir e através de sua evolução você será integrado ao Todo. (Embora você seja livre para escolher a escravidão e a dor... mas tudo que escolhemos é porque baseamos nossas crenças em que essas escolhas irão fazer sentirmo-nos melhores.)

Você é um criador; você cria com cada pensamento!
Você sempre cria movido por padronizações, porque você obtém exatamente aquilo em que focaliza a sua atenção – tanto para o que você quer, quanto para o que você não quer – mas você sabe, pelo que você sente, se você está conseguindo (criando) o que você quer ou o que você não quer. Onde sua atenção está focalizada?

Qualquer coisa que você pode imaginar é sua para ser, fazer ou ter!
Conforme você pergunta a si mesmo porque você quer determinada coisa, a essência de seu desejo é ativada, e o universo começa a trazer aquilo para você. Quanto mais intensos são seus pensamentos, mais rápido o que você quer virá até você. (É tão fácil criar um castelo quanto um simples botão.)

Você escolhe suas criações conforme você escolhe seus pensamentos!
Seu Ser Íntimo oferece suporte na forma de emoções. Entretenha um pensamento de não desejo ou de desejo e você sentirá uma emoção desejada, ou uma emoção indesejada. Escolha mudar o pensamento e você terá mudado a emoção e a criação. (Faça mais escolhas diariamente.)

O Universo ama você, pois ele conhece suas mais intimas intenções!
Você veio para a terra com as melhores intenções e o Universo constantemente guia você através de seus caminhos escolhidos preteritamente. Quando você
está se sentindo bem, você está, naquele momento, permitindo acessar-se em relação às suas mais intimas perspectivas. (Você é um Espírito Encarnado.)

Relaxe em sua Natureza íntima. Tudo está bem. Realmente está!
A essência de tudo o que você aprecia está constantemente fluindo em sua realidade. Conforme você encontra mais coisas para apreciar, seu estado de apreciação abre mais caminhos para que você continue sentindo apreciação.
(Conforme você pensa, você vibra. Conforme você vibra, você atrai.)

Você é um criador das formas de pensamentos em sua única rota de contentamento.
Ninguém pode limitar o destino de seus pensamentos. Não há limites para sua jornada de alegria em direção ao que pode experienciar. No caminho de sua felicidade, você descobrirá tudo o que você quer ser, ou fazer, ou ter. (Permita que a experiência de outros permita a sua).

Ações a serem tomadas e dinheiro a ser trocado são produtos da sua focalização no êxtase.
Em sua deliberada jornada ao contentamento, suas ações serão inspiradas, suas fontes serão abundantes e você saberá - pela forma como se sente - que você está preenchendo suas razões para a vida. (A maioria sente isso imperceptivelmente, embora muitos sintam pequenas alegrias em suas ações ou em suas posses).

Você pode renunciar a seu corpo físico sem doenças ou dor.
Você não precisa atrair doenças ou dores como uma desculpa para deixar seu corpo. Seu estado natural de vir, estar ou deixar seu corpo, está relacionado à saúde ou bem estar. (Independente disso você é livre para escolher.)

Você não pode morrer; Você é uma forma de vida eterna.
Graciosamente, você pode escolher relaxar e permitir-se uma transição serena
de volta ao seu estado não físico de pureza, energia positiva. Seu estado natural está relacionado à infinitude. (Divirta-se com tudo isso. Ilumine-se! Nada vai dar errado.)

PS: Não é necessário que uma outra pessoa entenda as Leis do Universo ou o processo que estamos oferecendo aqui para que você atraia uma vida feliz, maravilhosa e produtiva. Isso depende apenas de você mesmo!

Tradução: Luciene Lima, São Paulo, SP, Brasil


Conversando com os Abraham 

Para muitos professores espirituais ao redor do mundo, os ensinamentos dos Abraham são uma fonte de pura inspiração. Michael James se encontrou com os Abraham, canalizados por Esther Hicks, já que eles continuam sua excursão de seminários nos EUA.
Michael: Para as pessoas que não estão familiarizadas com vocês ou com seus livros, fale-nos um pouco mais sobre quem ou o que é Abraham e o que são os ensinamentos dos Abraham.

Abraham: Somos consciência projetando no mundo físico a partir de nosso ponto não físico. Somos Fonte de Energia. Há muitos de nós aqui e estamos em harmonia vibracional uns com os outros, e assim somos recebidos por Esther como um fluxo de consciência. Sentimo-nos singular com Esther quando ela interpreta Energia que somos, mas não somos nenhuma consciência singular. Vimos sempre e apenas em resposta ao pedido de nossas contrapartes físicas. Não é nosso desejo ou intenção direcionar nossos amigos físicos para ou além de qualquer coisa. É nosso desejo ajudá-los a se lembrar de quem realmente são, assim vocês podem entusiasticamente procederem com as intenções que estabeleceram antes de seu nascimento físico. Nós ensinamos as Leis que afetam este Universo e tudo aquilo que você conhece como seu mundo físico, de forma que você possa entender como é que sua vida está se desenvolvendo da maneira como está. É nosso desejo que você redescubra seu próprio controle criativo sobre sua própria experiência de vida, do modo que você pretendia antes de seu nascimento neste corpo físico. Nós queremos lhe ajudar a voltar a ser o ser natural, ávido, feliz que é realmente quem você é. Tudo o que ensinamos é direcionado a esse fim.

Michael O que você diria às pessoas que acham estranha a idéia de canalizar entidades...até mesmo assustadora? 


Abraham: Não encorajamos ninguém a se mover para nada que os faça sentirem-se desconfortáveis. SE você não consegue encontrar um modo de sentir-se bem quando você está começando sua investigação de qualquer coisa, não encorajamos a continuar. As emoções que você sente são seu guia indicando seu alinhamento de Energia. Proceder em qualquer direção que o faça se sentir desconfortável significa que á contradição em seu próprio campo de Energia e isto não é bom para você. Nunca há um único caminho para sua verdade. Se um caminho lhe parece errado, escolha outro. Nenhuma busca de qualquer conhecimento vale a pena se sua própria Energia não está alinhada.

Michael Que caminho espiritual o trouxe onde você está hoje? 


Abraham: Jerry foi um buscador vigoroso de qualquer informação que pudesse usar para ensinar os outros a ter vidas mais prósperas. Ele gastou muitos anos estudando e ensinando o livro de Napoleon Hill, “Pense e Enriqueça”. Ao reconhecer que havia algo faltando, ele nunca parou de procurar por métodos mais efetivos para ajudar os outros a encontrar o sucesso. Sua aparentemente acidental descoberta do Material Seth de Jane Roberts abriu a porta do improvável para o material Metafísico.
Após vários meses lendo qualquer material de Seth que ele pôde encontrar, ele foi estimulado por duas questões poderosas: Se "nós criamos nossa própria realidade", como professou Seth, então como é que fazemos isso? E se "nosso poder ESTÁ no presente" como Seth repetiu insistentemente, então como é isso?
O desejo poderoso de Jerry em entender a criação e a vontade de Esther em permitir que as respostas fluíssem através dela garantiram o formato para que os Abraham dessem as respostas. A vontade de Esther em permitir que os outros sejam como são e acreditem no que desejam a deixaram em um estado de pouca resistência. O desejo de Jerry de entender e a vibração tênue e aberta de Esther fizeram o ambiente perfeito para receber a clareza dos Abraham.

Michael: Quem são seus professores favoritos atuais e autores, ou você estuda apenas os Abraham agora? 


Abraham: Quando Esther começou a nos receber (os Abraham), nós a encorajamos a não ler os trabalhos de outros, porque não queríamos que ela questionasse a validez da própria tradução. Como ela não tinha estudado, sua mente não estava cheia de opiniões ou preconceitos que tivesse que suplantar.

Michael: O que os Abraham dizem está notavelmente em sintonia com os ensinamentos da Ciência da Mente. Você estudou “A ciência da mente” de Ernest Holmes? 


Abraham: Não, mas Ernest Holmes estudou os Abraham. Ele estava sintonizado com aqueles que estavam sintonizados com os Abraham.

Michael: Entendo que os Abraham dizem que podemos mudar as coisas “lá fora” com uma mudança em nosso pensamento/sentimento. Isto significa que podemos mudar as coisas “fixas”, por exemplo nossa aparência física?


Abraham: Não há nenhum limite para sua habilidade de criar. Nada já está completo, então todas as coisas podem mudar.

Michael: Como quebramos nosso hábito de autocrítica e elevamos nosso amor-próprio? 


Abraham: O primeiro passo mais importante para qualquer mudança é um desejo claro de se sentir bem. Nós sabemos que soa simplista, mas quando nada é mais importante do que você se "sentir" bem, você está então disposto a tentar encontrar os melhores pensamentos que lhe trazem os melhores sentimentos que podem gradualmente mudar seus padrões vibracionais relacionados a qualquer coisa e quando você faz isso, suas manifestações também têm que mudar.

Michael:Os Abraham sabem nosso futuro ou temos livre vontade? 


Abraham: Sim e sim. Qualquer um que pode ler Energia pode entender as probabilidades futuras porque seu futuro está sendo preparado pelos pensamentos que você pensou e está pensando agora. Mas porque você tem a habilidade de mudar o modo como pensa, seu futuro está constantemente mudando.

Michael: Há alguma verdade em predições de médiuns/paranormais? 


Abraham: Sim, há muitos que podem decifrar Energia com precisão e podem determinar probabilidades. Decifrar de onde a Energia está vindo e peneirar a energia das pessoas requer tremenda sensibilidade à energia. Alguns são melhores do que outros. Todo mundo pode fazer isto até certo ponto.

Michael: O que acontece após a morte física? 

Abraham: Há um imediato reaparecimento na completa consciência Não-Física.De uma só vez, você deixa para trás todas as dúvidas, e medos, e raivas, enquanto se refoca no ser poderoso, merecedor, amado, alegre, que você sempre foi.

Michael: O aborto é prejudicial? 


Abraham: Fazer algo que você acredita que está errado é pessoalmente prejudicial a você porque a Energia contraditória é prejudicial à sua experiência física. Não há nenhum modo de qualquer um poder prejudicar a Energia Não-física, ou o espírito.

Michael:Qual é a visão dos Abraham sobre a homossexualidade?


Abraham: Você veio para [um ambiente de] uma grande variedade e muitas intenções. Deus vê tudo como bom.

Michael: Por que algumas pessoas nascem com deficiências físicas? 


Abraham: Pela mesma razão que um jogador de tênis maravilhoso prefere jogar com outros jogadores de tênis maravilhosos. No final das contas é mais divertindo ter experiências que evocam mais clareza e propósito. Vocês são seres eternos que desfrutam do enorme valor que as experiências variadas provêem.

Michael: Se somos totalmente responsáveis por nossas experiências – isto significa que as vitimas da violência, acidentes e doenças atraíram estas experiências? 


Abraham: Tudo o que você vive é convidado por sua vibração. Você oferece sua vibração por aquilo que lhe chama a atenção. Não há qualquer exceção a isso em nenhum lugar do Universo.

Michael: Como você manifesta uma relação romântica? 


Abraham: Imaginando quão maravilhoso você se sentirá quando sua relação chegar. Brincando com os detalhes deliciosos disso em sua mente. Pensando sobre isso e se sentindo bem enquanto pensa sobre isso, de tal forma que não sente falta da ausência disso. Quando você encontra o “estado do sentimento” dessa maravilhosa relação romântica, alguém tem que vir para você. É a lei.

Michael: A telepatia é real?


Abraham: Sim. Vocês são seres vibracionais. Vocês são mais seres vibracionais e elétricos do que o sangue fresco e os ossos que vocês conhecem.


[Versão editada da primeira publicação em Janeiro, 2005]http://emergingjourneys.com/features.php?fid=1 
(A Conversation with Abraham-Hicks)
Tradução: Luciene Lima, São Paulo, SP, Brasil





Uma escolha simples: Que pensamentos trazem o melhor sentimento?

Freqüências Vibracionais e Criações de Realidades

Convidado: Tenho ouvido por muitos anos que criamos nossa própria realidade e sempre imaginei, mais especificamente, como criamos nossa própria realidade? Bem antes de meu espírito tomar parte neste corpo de osso e carne tenho projetado o pensamento nesta realidade?
Abraham: Quando você diz "Nós criamos nossa própria realidade" ou "eu crio minha própria realidade", a primeira coisa que você tem que fazer é aceitar que o "eu" não começou simplesmente ao voltar neste corpo, onde quer que ele tenha nascido. Sou um ser bastante velho que tenho projetado pensamento neste tempo-espaço realidade muito antes de meu espírito tomar parte deste corpo. E assim, eu e os outros iguais a mim projetamos tudo isto.
Convidado: Tudo bem. Então, o que estou entendendo de você é que há muitas freqüências vibratórias diferentes e grupos de freqüências, e a plataforma que é meu acordo atual tem uma freqüência vibratória média. E que é desta média de freqüência que o meu contraste ocorre e meu desejo vem disto. E tudo o que preciso fazer é usar meu Sistema de Orientação para sentir as coisas que são, basicamente, de uma vibração mais alta – coisas que me fazem sentir bem. E, controlando o foco de minha atenção a estas coisas, isto trará a Energia de meu Ser Interior que flui em direção daquilo e cria mais daquilo... Então, a coisa principal que eu deveria fazer é trabalhar minha habilidade de focar e de manter um foco?

Seu desejo o faz sentir-se bem? 

Abraham: Eis o que queremos que você escute: O contraste provê condições para o foco e lhe dá a variedade que, naturalmente, sem esforço, dá à luz o desejo em você. Assim, entrar num ambiente que o produz é simplesmente uma conseqüência natural. Então agora, o desejo está em você. Ele nasceu do adorável contraste adorável, e agora o seu trabalho é, tão somente, alinhar sua Energia com este recém-encontrado desejo, o que significa pensar sobre este desejo que nasceu em você – e sentir-se bem ao mesmo tempo. Este é o processo modular: Pensar em seu desejo até que você se sinta bem. Pense nele até que ele se faça sentir familiar. Pense nele até se sentir assim, sinta-o como a coisa mais normal do mundo para você. E quando você e seu novo desejo estão em alinhamento – então a manifestação acontece.

Freqüentemente lhes dizemos: "Pense sobre o que você quer e decida o que você quer; decida o que você quer.". E a razão pela qual você nos ouve martelando tanto isso, é porque a maioria das pessoas está correndo ao redor de tomar decisões sobre o que não quer. Estamos querendo que você deixe o contraste, é claro, lhe dizendo “o que” você não quer, mas sempre olhe para o tesouro nisto. Queremos que você sinta o tesouro, o prêmio, a maravilhosa descoberta. O novo desejo que nasceu é a razão pela qual todo o Universo existe – e uma vez que o desejo nasce em você, então a Energia Não-Física responderá a ele.

A coisa mais triste que existe na experiência humana é quando um ser permite o contraste de forma a deixar um desejo nascer, e, então, mantém a si mesmo, através de velhos hábitos de pensamento, vibracionalmente fora da sintonia com o novo desejo. Quase todas as filosofias que vocês herdaram, e que ensinam uns aos outros, neste planeta, sobre o porque as coisas funcionam da forma como funcionam, vem desta “não compreensão de como eu poderia se privado das coisas que eu quero?”. E, ainda, é uma coisa tão simples, uma vez que você começa a entender as nuances vibracionais, e uma vez que você começa a entender que “A razão pela qual eu tenho sentimentos é por causa de duas coisas: Estou convocando a Energia Não-Física em virtude de meu desejo; e: Estou permitindo-a, ou não permitindo-a – em virtude de meu pensamento ou convicção”.

Quando inicialmente começamos a nos articular através de Esther, as palavras que usamos foram estas: Quando seu desejo e sua convicção são os mesmos – é. E, naqueles dias, as palavras que Esther encontrou para expressar o que estávamos emitindo aqui, com muito mais palavras diziam: Quando há algo que você quer – você precisa acreditar nisto.

Esta é uma coisa dura de levar, porque vocês têm carregado algumas destas crenças incômodas por um longo tempo. E gostaríamos de ajudar a todos vocês a se deixarem fora disto, porque você não pode resistir à Lei da Atração (que diz que os semelhantes se atraem). Se você tem pensado isto, e pensado nisto, e pensado nisto, este é o pensamento que está ativo em seu agora. E a Lei da Atração lhe trará mais disso, que se compatibiliza com este pensamento o tempo todo. E então, você se debate consigo mesmo. Você diz “Eu não deveria estar tendo estes pensamentos”, quando, na verdade, você não consegue parar de ter estes pensamentos porque seu “sinal de rádio” está programado para eles e a Lei da Atração está lhe trazendo mais. Este é o problema que a maioria das pessoas tem com este negocio de “Você cria sua própria realidade”. Tente se você quiser, você não pode resistir a esta corrente.

Convicções adormecidas não lhe afetam 

Não queremos que você tente resistir à corrente. Queremos que você comece a estabelecer um Tom que esteja mais alinhado com a corrente que, realmente, já é você. Você pode estar cheio de convicções que não lhe servem bem - e nenhuma delas lhe afetará a menos que seja ativada. E quando está ativada, você tem uma resposta emocional a ela.

Quando uma convicção que não está em harmonia com sua Fonte de Energia é ativada, você adquire aquele sentimento engraçado em seu estômago. E quando você adquire aquele sentimento engraçado em seu estômago, o que ele lhe diz é: Este pensamento, neste momento, não se compatibiliza com quem você é e com o que você está querendo. E assim, você tem uma escolha simples. Você pode continuar com ele, você pode tentar se debater com ele até a morte, você pode juntar as pessoas nisto, você pode tentar isolá-lo, você pode se somar a ele e torná-lo maior e maior, ou você pode, como Jesus disse, virar a outra face e permitir que aquela vibração se torne inativa novamente, enquanto sintoniza sua vibração ao que o faz se sentir melhor.

Se isto o faz se sentir bem, escolha isto

Assim, você vê, tudo é sobre escolhas. O que o faz se sentir melhor? Estar conectado à minha Fonte me faz sentir melhor, ou não? Estar conectado traz um sentimento melhor. Clareza ou confusão, o que me faz sentir melhor? Vitalidade ou um corpo cansado, o que traz um sentimento melhor? Abundância ou pobreza, o que traz um sentimento melhor? Conexão ou resistência...?

Assim, não é complicado, mas temos que fazer tal trabalho de vendas para lhes convencer, queridos seres, que o certo para vocês é procurar aquilo que os faz sentir bem. De alguma maneira, você começou a acreditar que se faz sentir bem, você deveria se sentir culpado. Se faz sentir bem, deve existir algo errado nisto. E dizemos que isto se tornou uma grande parte da consciência de massa, quando não há nenhum fragmento de evidência que apóie isto em nenhum lugar do Universo!

“Tudo lá fora está pulsando. E aqui alguém está sofrendo uma experiência terrível. E vejo isto. E não quero isto. Não quero isto para eles, e não quero isto para mim. Mas quando olho isto, meu "interruptor" é aceso. Então não estou apenas somando a isto, estou somando isto para mim”. Agora, a maioria dos humanos diria “Bem, Esther, não se distancie disto colocando sua cabeça na areia”. E os Abraham dizem “Esther, se distancie disto – e alcance uma harmonia vibracional com alguma outra coisa”.

Se Esther vê alguma coisa horrível e ela diz "Não, não, eu não quero isto, o que eu quero é...” e, desta coisa detestável, nasce um desejo; e Esther é sábia o bastante para colocar sua atenção agora apenas no desejo, e encontrar uma harmonia vibracional com o desejo – agora aquela situação beneficiou o Tudo-Que-É, porque alguma coisa muito poderosa e muito boa saiu daquilo.

Mas se Esther faz como muitas pessoas, e se trava no que está vendo ali, então ela sofre, se desespera, e soma à negatividade; ou até mesmo se ela entra no próximo passo onde diz “Oh, não quero isto, eu não quero que isto me toque”, e olha adiante, mas então sente culpa porque não está conseguindo – nenhum bem vem de nada disto. Então ela simplesmente deu início a outras vibrações, e toda sorte de coisas ruins começam a aparecer em sua experiência. E então, a lápide dela dirá “Veja, eu lhe disse que era assim”.

Esther sempre está alcançando os melhores sentimentos possíveis antes destes seminários porque ela quer estar tão conectada quando possível com a Fonte de Energia, antes de vocês convocarem os Abraham através dela. E ela disse a Jerry, esta manhã, “qual é um dos melhores sentimentos que você se lembra destas reuniões?”. Ela estava buscando um sentimento. E Jerry disse “você está pedindo um lugar, um rosto ou uma pergunta?”. Esther disse “Estou buscando o sentimento”. E Jerry disse "Bem, eu sempre amo o sentimento do término da sessão, quando todo mundo está se sentindo completo e satisfeito, e conectado, e alegre, e confiante, e sabendo quem são”. E Esther disse “Sim, era isto que eu queria dizer, era isto que eu queria dizer”. Ela está alcançando o sentimento, o sentimento de capacidade. Não há nada no mundo que faça um professor se sentir tão bem do que capacitar os outros.

Neste momento, que pensamento traz o melhor sentimento?

Digamos que alguém lhe fez se sentir um pouco inseguro. E daquele sentimento de insegurança nasce, neste momento, um desejo mais forte do que o normal de se sentir capaz e saber quem você é. Use qualquer coisa que significa que você precisa fazer, mas apenas busque o melhor sentimento. Como isto o fez se sentir? Qual é o melhor sentimento? Assim, há este novo desejo pulsando, este novo tesouro. Oh, está vivo e bem, convocando Força de Vida através de você, exatamente aqui, no agora. Você o está sentindo, exatamente agora. Este desejo recém tido, novo. E então, você simplesmente tenta se lembrar de já ter se sentido como quer se sentir agora. E simplesmente pelo alcance disto, simplesmente dizendo “eu já me senti assim?...”, estas coisas se tornarão ativas novamente em sua memória, de quando você se sentiu assim. E você dirá “Lembro-me disto, e me lembro disto, e me lembro disto...e você atravessará a marca dos 17 segundos, e dos 34 segundos, e dos 51 segundos, focado naquilo que o faz sentir-se bem, e você estará ali, em seu poderoso agora, tendo ativado cada momento poderoso que você já viveu. E eis, um ápice, um vórtice, aqui mesmo e agora. Eis o que você alcançou, tudo de um pouco de desprezo que alguém lhe ofereceu. Oh, que presente isto foi!

A eterna evolução do espírito

Simplesmente vivencie sua experiência diária, deixe sua exposição acontecer, como irá, porque a Lei da Atração diz que precisa acontecer, e quando e se você tiver uma resposta emocional – seja positiva ou negativa – pare no meio daquele sentimento e saiba se ele está lhe conectando com a sua Fonte ou não. Se ele estiver lhe conectando com a Fonte, siga adiante com ele. Faça valer a pena. Se ele não estiver conectando você à Fonte, mas fazendo o oposto, então comece a pivotar: “Sei o que eu não quero. O que é o que eu quero?”.

Deixe o desejo nascer e, então, tente encontrar o estado do sentimento disto. Tente se lembrar de qualquer outra coisa assim. Volte para seu poder. E então permaneça nesta nova plataforma onde agora você acessará as coisas em seu ambiente que, um momento atrás, você não acessava. Esta é a evolução eterna do espírito que está pulsando em você.

Jerry e Esther entraram no hotel e a pessoa do atendimento estava num terrível humor. E enquanto Esther estava ali, ela não conseguia ver sua responsabilidade por ter encontrado aquilo. E isto a irritava ainda mais. Já é ruim o bastante que alguém seja rude, mas aceitar sua responsabilidade em se encontrar com este alguém...

Assim, Esther pensava sobre isto e percebeu que aquilo era um tipo de onde ela havia deixado sua vibração sobre aquele hotel, e era lógico. E quando ela estava falando conosco sobre isto, ela ainda estava querendo dizer “mas, Abraham, você não acha que talvez seja benéfico para o hotel saber que eles têm uma pessoa realmente rude atrás do balcão?”. E dissemos “bem, mas o que traz o melhor sentimento, perseguir este pensamento ou escolher um pensamento melhor, o que a faz se sentir melhor?”. E Esther disse “bem, certo, certo, certo. Mas, Abraham, você não acha que sob estas condições, alguém não deveria falar com alguém? Algo não deveria ser feito sobre isto?”.

A mulher de negócios em Esther disse “Bem, se meus empregados estiverem maltratando as pessoas, eu gostaria de saber”. E dissemos “não, você não gostaria. É melhor você não saber disto. Em outras palavras, deixe a Lei da Atração agitar tudo isto. Você não tem que ser o monitor deste tipo de coisa”.

Você tem uma pergunta: o que traz o melhor sentimento? O que o faz senti-se melhor, este pensamento ou esse? Às vezes isto parece tão difícil de escolher porque há infinitos pensamento, mas não há pensamentos infinitos neste momento. Neste momento, seu ambiente está perfeitamente estabelecido. Neste momento, há apenas um certo número de pensamentos a considerar. Não muitos para você escolher.

Quando você começa, no primeiro dia, a escolher deliberadamente o pensamento que traz o melhor sentimento – no segundo dia, você terá acesso a um conjunto todo diferente de escolhas do que teria se não tivesse feito as escolhas no primeiro dia. E no terceiro dia, haverá um conjunto diferente de escolhas agora disponíveis para você – porque a cada dia você terá estabelecido seu Tom Vibracional com sua Fonte de Energia pura e positiva. Até que, em trinta dias exercitando isto, você estará respirando, vivendo, comendo, como um ser iluminado.

Ser deliberado requer prática

Mas requer alguma prática, digamos, o que traz melhor sentimento? “O que traz melhor sentimento, este pensamento de minha mãe, ou aquele outro pensamento de minha mãe?”. Mas, Abraham, você não entende. Tem a ver principalmente com quem minha mãe é”. Esta não era a questão. O que o faz se sentir melhor, este pensamento ou aquele? "Mas Abraham, você não entende...”. Esta não era a pergunta. O que traz o melhor sentimento, é a única pergunta – esta é a única pergunta que seu Sistema de Orientação está fazendo. O que traz o melhor sentimento, este pensamento ou este aqui?

O que o faz sentir-se melhor, elogiar ou criticar? "Oh, mas você não entende, não há nada que elogiar e há muito a criticar". Esta não é nossa pergunta. O que traz o melhor sentimento? O que o faz sentir-se melhor? “Mas Abraham, você não entende. Você não viu o que aconteceu". Não, não vimos. Não estamos vibrando lá com você. Mas nossa pergunta para você é: o que traz o melhor sentimento, o que o faz se sentir melhor?. “Mas, mas, mas, mas Abraham, você precisa estar ali onde estamos, assim você pode entender o que estamos tentando lhe dizer”. O que o faz se sentir melhor? – é a única coisa que seu Sistema de Orientação está lhe perguntando.

O que o faz se sentir melhor, se pronunciar ao mundo ou a mim mesmo, não sou livre? Ou pronunciar ao mundo que eu posso tomar mais decisões?

Ninguém pode entrar dentro de sua cabeça para fazê-lo pensar. Às vezes se parece assim porque eles clamam alto em seu rosto com qualquer coisa que dizem. Mas você tem a habilidade, se é seu desejo, de se sentir bem. Você tem a habilidade de se retirar de qualquer pensamento que o esteja aborrecendo, de se desligar, e de reformar sua conexão com a Fonte de Energia. E isto é a liberdade a qual você está procurando.

Você tem a habilidade de olhar para o aqui, onde não há nenhuma resistência. Jesus disse “vire a outra face”, e é exatamente sobre isto que ele estava falando. Não resista ao mal. Vire a outra face – e atinja harmonia vibracional com o que o faz se sentir melhor.

Todos vocês têm acesso à Fonte de Energia! Ela está sempre dentro de você, sempre irradiando através de você. Às vezes você está sustentando uma sombra que não deixa a Fonte de Energia brilhar completamente. Mas quando mais você deixa a completude de quem você é se irradiar através de você, melhor se sente sobre tudo – e mais você contribui com todas as coisas. Porém, em todo caso, você não pode fazer nada errado!

Créditos: 
Extraído do seminário em Phoenix, AZ/USA, em 21 de Março de 1999
(A Simple Choice: Which Thought Feels Best?)
http://abraham-hicks.com/journal.php?eid=508
Tradução: Luciene Lima, São Paulo, SP, Brasil 



"Eu descobri que não são as circunstâncias nas quais somos colocados, mas o espírito com o qual as enfrentamos, que constitui nosso conforto."
(Elizabeth T. King)
...


Um comentário:

"Toda reforma foi em algum tempo uma simples opinião particular." (Ralph Waldo Emerson)