11.11.11

209: Um sonho só acaba quando você desiste dele!






Um homem que quer algo,
encontrará um meio;
um homem que não quer,
encontrará uma desculpa.


Olá!
Para muitos, hoje foi um dia especial: 11/11/11. Penso que todos os dias são. Aliás, cada segundo é único. Creio que devemos procurar viver cada momento com intensidade e presença. De qualquer maneira, sempre procurei meditar, refletir e alimentar sonhos, eles são o alimento para a minha alma. Por mais que eu procure viver no agora, existem coisas que permeam a minha mente com mais intensidade do que o agora; são os meus projetos, desejos, ou seja meu planejamento de vida.



Na 33ª publicação comentei sobre como criar um projeto de vida

Mas retornando ao tema dos últimos dias: tenho repensado meu relacionamento. Isso ocorre porque sou 99% intuição, coração, amor e sentimento e ele é 99% razão; isso às vezes nos atrapalha. Como ele teve uma vida aparentemente mais difícil que a minha, nem sempre acredita em sonhos e em algo que belo e inspirador que transcende o mundo físico. Eu, pelo contrário, acredito mais no mundo espiritual do que no material. Penso que este plano "físico" seja apenas uma temporária ilusão muito bem disfarçada de realidade.


"Não somos seres humanos vivendo uma experiência espiritual, somos seres espirituais vivendo uma experiência humana."


Teilhard de Chardin

Mas, a fim de procurar de alguma forma tocar o coração dele e motivá-lo a acreditar mais na vida e nos nossos sonhos (estejamos juntos ou não), escrevi para ele o texto abaixo e pretendo compartilhá-lo com você. Espero que goste! Deixarei o texto quase na íntegra, pretendo fazer apenas alguns retoques, pois meu lado perfeccionista encontrou alguns erros de concordância (sei que ainda existem vários) e umas ideias que precisavam de uns "ajustes". Lá vou eu...


"Um sonho só acaba quando você desiste dele!"
(Fernanda Klink)


Muitas pessoas me vêem como alguém que está sempre alegre, animada, feliz, otimista, sorrindo... porém já confessei aqui que isso não é verdade. Assim como todos, tenho meus dias "ruins".

Não comento muito sobre isso com as pessoas, mas muitos dos meus sonhos ainda não se realizaram. Repito: ainda, pois um dia muitos deles vão, eu tenho certeza!!!

Pois sei quais são e já os "pedi" ao meu amigo: Universo!


Procuro manter a esperança, mas a cada dia que passa parece ficar mais desafiador acreditar em certos sonhos.

Quando éramos pequenos era tão mais fácil sonhar, acreditar! Nada como um coração novinho em folha para crer no impossível, não é?!



O que acontece com muitos de nós é que crescemos e percebemos muitas vezes que tantos sonhos e projetos parecem impossíveis.

O erro mais comum nesta hora é medir nosso sonho comparando com os resultados obtidos pela maioria. Isso faz a gente se limitar, pois a maioria das pessoas não sonha alto.

Além do mais, ao se comparar, você só consegue enxergar as possibilidades já realizadas, nada além... Mas parece ser tão lógico pensar assim.



Depois que a gente "amadurece", descobre que várias coisas não eram tão simples como a gente imaginava; no entanto, isso não significa que grandes sonhos não possam ser realizados.

Cada pessoa tem ao menos um sonho grandioso e alguns desejos menores.

Cada um é a parte de uma realização, é uma maneira de nos sentirmos felizes, realizados, completos, em crescimento...

Mas talvez a realização de todos os sonhos num mesmo momento não seja possível e nem benéfica.

O grande sentido de realização de nossa vida talvez seja a união de vários momentos felizes, daqueles que você faz momento a momento; os mais simples, porém mais sinceros e espontâneos. 


Um sonho não realizado no momento em que você gostaria que fosse, não se torna impossível no momento seguinte, pois nesta vida nada é realmente impossível, depende do quanto você deseja alguma coisa e do quanto você vai trabalhar e acreditar para que ele se torne realidade.

Às vezes aquele não era apenas o melhor momento para a sua realização, mas pode ser que no momento seguinte se realize de modo ainda mais grandioso do que você havia imaginado.

A vontade de realizar algo, é o que impulsiona a gente a viver. Ter um objetivo, um sonho desafiador, faz com que você acorde todos os dias e vá atrás dele com determinação e mais vontade; dá às nossas vidas um propósito maior.

No fundo, se paramos para refletir, todos sabemos o que desejamos pois o desejo mais sincero vem da nossa alma, da nossa consciência maior que é pura sabedoria de Deus.



No fundo, nosso "Eu interior/espiritual" se reconhece como este ser sagrado e ilimitado com potencialidades infinitas prontas para serem manifestadas, por esta razão podemos realizar qualquer coisa que desejarmos, repito: qualquer coisa!

Só que existe algo que acontece no meio do caminho: confundimos a noção do que nos faz feliz.

Somos "bombardeados" pelas mídias com mensagens falsas do significado de sucesso e passamos a nos comparar e nos julgar pelo sucesso alcançado exteriormente, muitas vezes nosso amor próprio é diminuído, nos sentimos inferiores, fracassados, sem sorte.



Outras vezes não nos sentimos merecedores devido às falsas ideias de pecado ainda pregadas por tantas religiões. A intenção talvez fosse boa, mas hoje sabemos que todo aquele que julga ter pecado, atrai inconscientemente uma auto punição e esta se manifesta através de diversas maneiras, uma delas: não realizar seus grandes sonhos.

Não entrarei novamente no mérito das religiões, só comento porque eu carreguei muita autopunição, pois sempre desejava ser perfeita para evitar a punição divina, conforme já comentei aqui neste espaço. Hoje Deus é meu amigo. 
(9ª publicação: Minha nova visão de Deus)


Consegui ser perfeita? Nunca!

A busca pela perfeição nos leva a cometer erros, que automaticamente nos afastam ainda mais da perfeição; ela ocorre quando simplesmente "somos"! Sem medos, cobranças e máscaras...

Retornando ao tema dos sonhos, a felicidade está "escondida" no caminho, a realização deles é secundária, pois ser feliz é uma decisão, não uma ocorrência.

Sim, a felicidade é ter sonhos e não desistir deles, é a busca. A realização às vezes dura tão pouco que não pode ser medida como razão para sermos felizes.

Lembre-se:
Felicidade é um modo de viajar, não um destino.

Lembro que certa vez assisti a um documentário sobre um grupo de alpinistas que escalaram o Everest. Anos de preparação, meses tentando subir aquelas montanhas geladas e perigosas. Quando os que sobreviveram chegaram ao topo, só puderam ficar ali menos de 2 ou 3 minutos e tiveram que voltar, pois podiam "se congelar". Dá para acreditar?

Com certeza eles devem ter levado em conta a superação física, mental e espiritual de toda a jornada, senão os 2 ou 3 minutos no topo seriam muito poucos, não é?


De alguma maneira, às vezes esta busca parece algo penoso, trabalhoso demais e nos acomodamos e viramos "racionais", achamos que eram sonhos impossíveis, caímos na conversa do "consciente coletivo", melhor desistir e levar uma vida sem expectativas, como a maioria faz, para não nos frustrarmos enquanto os sonhos não se realizam.

Maioria sim, pois quantas pessoas que você conhece tem coragem de seguir o seu coração em direção aos seus sonhos?

Outras vezes, fazemos um esforço descomunal e quando chegamos bem perto de realizar um grande sonho, desistimos.



Isso acontece muitas vezes porque não sabíamos que estávamos tão perto. Podemos ficar sabendo disso mais tarde, ou jamais saber, na dúvida, melhor insistir, não?

Se você não tem mais grandes sonhos e não deseja tê-los, tenha vários menores. Pequenos sonhos realizados são melhores do que nenhum e trazem muita realização.

Afinal, o que é um grande sonho? É algo muito relativo, não?

Para mantermos a nossa "força", a bateria carregada nesta busca precisamos saber que passaremos por momentos de dúvida e de muitos desafios, isso é normal e acontece com todos.



Muitas vezes, um final de semana agradável com familiares ou amigos, pode ser o que vai impulsionar você a ter uma semana melhor e manter a "chama acesa".

Podemos sonhar de vários tamanhos, preços, qualidades, quantidades, o que importa é sonhar, acreditar nestes sonhos, afinal as coisas só se realizam pra quem acredita!

Além do mais, sonhar não tem preço, não tem limite, é secreto, você pode fazer sempre e além de tudo, sonhar é grátis.

Quando você se desliga do mundo manifestado (material) e se etrega aos desejos da sua alma, você se liga à Deus pois é através da sua realização que Deus se manifesta na terra.



Ou seja, Deus é e está em você e age através de você! 

O que devemos fazer é não parar nunca, sempre ter algo que ligue nossos motores, que faça com que tenhamos mais vontade de viver.

Se eu tivesse que selecionar o maior obstáculo a ser "eliminado" após a constatação de um grande sonho eu diria que é evitar se deixar contaminar por pessoas "materialistas", que não acreditam na sua própria força e nem na dos demais, elas podem minar o seu entusiasmo, a sua força.

Mas não se preocupe, pela lei da atração, semelhantes se atraem e quanto mais positivo você estiver, menos atrairá pessoas pessimistas.

Isso não eliminará os obstáculos, pois eles existirão porque no fundo você sabe que consegue derrubá-los, o vencedor que há dentro de você quer te mostrar isso e não poupará desafios, portanto, prepare-se!


Quando obstáculos surgem, 
você muda a direção para 
atingir seu objetivo;
você não muda a decisão
de chegar lá.




Sua "vitória" não depende de fatores externos, apenas do quanto você consegue se reconhecer como este ser sagrado, imbatível e incondicionalmente amado por Deus.

Quando tiver dias ruins, e isso ocorrerá com certeza: chore, grite, berre, se feche, silencie, ore, questione, duvide, isso é normal... Depois retorne com mais determinação e fé em si mesmo, a vitória continua sendo possível.

Apague o passado e reescreva o futuro.


O passado nada mais é que a soma de tudo o que você acreditava e pensava naquele momento, então se quiser um futuro diferente terá que mudar seu modo de pensar e agir ou terá sempre os mesmos resultados, não é lógico?

E nas horas que parecer que está dando errado, é neste exato momento que você mais precisa sonhar, acreditar, viver, ir atrás, batalhar, orar, pois segundo os vecedores foi justamente nestas horas que as coisas começaram a finalmente acontecer.

Para quem gosta de Paulo Coelho, no livro "O Alquimista" ele comenta sobre o teste mais difícil e que ocorre justamente no momento final em que você está quase desistindo de conquistar a sua "lenda pessoal", ou "tesouro pessoal", devido aos desafios serem maiores do que no início.



Confesso que trata-se do único livro de Paulo Coelho que eu gosto, pois faz um trabalho maravilhoso em motivar as pessoas a seguirem seu coração e seu grande sonho.

Desafios todos tem, mas só vence quem persiste! Quem pára, alivia o coração e depois continua!

Podemos até desistir temporariamente, rever as estratégias, descansar, mas se for algo importante para nós, a sua busca precisa fazer parte de nosso cotidiano.

Quando desistimos de nossos sonhos, a vida perde a graça, perde o sentido, os sonhos são o sentido maior de nossa vida.


Importante:
o sonho só acaba, quando você desiste e quando isso ocorre você passa a ser infeliz, pois a vida sem eles não tem graça.

Não é realizar todos os sonhos imediatamete e facilmente o que faz a gente feliz.

O segredo da alegria da alma está em tê-los e acreditar neles; manter a mente aberta até mesmo para o impossível, resgatar a criança que um dia acreditou.

É a jornada até os nossos desejos que faz a gente se realizar, se conectar com o sagrado, pois os sonhos são o alimento da alma e nada traz mais sentido, valor e felicidade às nossas vidas do que acordar com desejos para procurar realizar.

Acredite sempre em você, pois é a única coisa que você precisa para dar asas aos seus mais grandiosos sonhos...

Então... Quais deles estão aguardando por você?


Lembra da belíssima Música tema da Disney (Pinóquio):
"When you wish upon a star..."
"Quando você faz um pedido a uma estrela..."



Não desista e o universo mostrará à você como realizá-los!

Aqueles que não acreditam em mágica nunca a encontarão. 




Algum dia tudo fará sentido. 
Então por enquanto, ria da confusão, 
sorria com as lágrimas, 
e lembre-se que tudo acontece por uma razão. 

O melhor ainda está por vir... 


Até amanhã!

E muito obrigada ao meu amor, que foi a inspiração de hoje e ao belo artigo de Fernanda Klink sobre este tema.

Com carinho,



Tenham todos um excelente feriado!

E se cuidem...



Marcia



Nenhum comentário:

Postar um comentário

"Toda reforma foi em algum tempo uma simples opinião particular." (Ralph Waldo Emerson)