5.12.11

229: Pequenos gestos...



“Deus quer, 
O homem sonha,
A obra nasce”. 
(Fernando Pessoa)



Olá!

Dia lindo e agradável. 
Embora eu ainda esteja bastante preocupada com meu primo muito querido que está a UTI, só posso orar e aguardar. Espero saber mais notícias em breve e se eu puder, irei visitá-lo.

Meu trabalho está indo bem e isso de certa forma me conforta.
Continuo fazendo meu networking e agindo como headhunter (caça talentos) sempre que surge uma oportunidade. Na semana passada fui numa loja da Tim aqui perto e amei a funcionária que me atendeu. Acabamos ficando amigas. Trocamos informações de contato e hoje ela me ligou dizendo que saiu da Tim.


Pedi o currículo dela, recebi, observei, sugeri algumas alterações, alterei e a indiquei para umas vagas que me passaram, pois sei que ela merece!
Fui atrás das informações da bela loja que está abrindo na esquina do meu apartamento para ela se candidatar. Parece excelente (http://casabelamoveis.com.br/), embora ainda esteja em reforma pois era uma loja Yamaha. 
Pelo site da nova empresa já dá para pegar as informações e enviar o currículo, imagino que o quadro de funcionários ainda esteja aberto e estejam verificando currículos.



Ela parecia tão feliz e de certa forma indignada com meu gesto. Não me custava nada, será que uma gentileza deveria ser algo tão "notável"? Gostaria que passasse despercebida. Deveria fazer parte de nosso hábito. Afinal, acho que na vida o que conta mesmo são os pequenos gestos que a gente faz, não é? Por que os grandes são tão raros e não podem ser os únicos para contabilizar uma vida inteira.






PEQUENOS GESTOS... 

É curioso observar como a vida nos oferece resposta aos mais variados questionamentos do cotidiano...

Vejamos:

A mais longa caminhada só é possível passo a passo...

O mais belo livro do mundo foi escrito letra por letra...

Os milênios se sucedem, segundo a segundo...

As mais violentas cachoeiras se formam de pequenas fontes...

A imponência do pinheiro e a beleza do ipê começaram ambas na simplicidade das sementes...

Não fosse a gota e não haveria chuva...

O mais singelo ninho se fez de pequenos gravetos...

A mais bela construção não se teria efetuado senão a partir do primeiro tijolo...

As imensas dunas se compõem de minúsculos grãos de areia...

Como já refere o adágio popular, nos menores frascos se guardam as melhores fragrâncias...

É quase incrível imaginar que apenas sete notas musicais tenham dado vida à "Ave Maria", de Bach, e à "Aleluia", de Hendel...

O brilhantismo de Einstein e a ternura de Tereza de Calcutá tiveram que estagiar no período fetal e nem mesmo Jesus, expressão maior de Amor, dispensou a fragilidade do berço...

...Assim também o mundo de paz, de harmonia e de amor com que tanto sonhamos só será construído a partir de pequenos gestos de compreensão, solidariedade, respeito, ternura, fraternidade, benevolência, indulgência e perdão, dia a dia...

Ninguém pode mudar o mundo, mas podemos mudar uma pequena parcela dele: esta parcela que chamamos de "Eu".

Não é fácil nem rápido...

Mas vale a pena tentar! 


(autor desconhecido)



Até amanhã!

...


Nenhum comentário:

Postar um comentário

"Toda reforma foi em algum tempo uma simples opinião particular." (Ralph Waldo Emerson)